Loading...

quarta-feira, 21 de abril de 2010

A caminho de mim...


A caminho de mim...

Acho que vou caminhar por estradas mais calmas, seguindo os passos da minha sombra,

vou escutar os ventos que sopram os ares da reflexão e lançar um olhar curioso para a montanha que vem se aproximando,

para fazer parte do meu novo caminhar...

As estradas estranhas que seguirei ainda não possuem chão firme no campo dos meus pensamentos...

Por isso, amanhã preciso estar só e escutar o som barulhento das minhas reflexões...

Eu não me entendo, e isso me obriga sempre a me reinventar...

Edson Filho

2 comentários:

  1. Poeta, ta lindo seu blog, bem, tudo em vc é bonito, nos faz muito bem. Me encanta sua maneira de escrever.bjs

    ResponderExcluir
  2. E você me deixa sempre sem palavras, encantado com teu carinho e tua atenção, Iara,obrigado querida.

    ResponderExcluir